::casa velha – 19:30hs::

Hoje Teo estava muito pior que os outros dias. Ele está na fase de parecer ainda mais derrotado quando para de beber. É como se duas coisas muito importantes faltassem. Tentei argumentar com ele, uma vez que não considero nenhuma delas importante, pelo menos não tão importantes. Em verdade eu posso ser quase tão alcoólatra quanto Teodoro, mas sofrer pela Natália é completamente dispensável. Não se pode entender um coração que ama. Ele tem detalhes e eu tenho pra mim que são detalhes todos inventados, que várias das histórias de amor de Teo e Natália são invenções de momentos etílicos que ele repetiu até que se incrustaram em seu cérebro como parte de sua história. Natália é uma menina tão odiosa e amarga que me espanta pensar que em algum dia ela tenha ao menos namorado Teo, quanto mais dizer que o amava e todas as coisas melosas que ele insiste em repetir. Mas hoje era segunda feira e Teodoro passou todo o domingo sem beber para trabalhar. Exigência da chefia, com a qual nós todos fizemos coro, mesmo contrariados. E me vem a mãe dele e diz que eu é que o levo para o mau caminho. Agora Teodoro voltou sóbrio, esgotado e o pior: é um homem ainda sem amor e ainda sem dignidade e meu “ainda” é meramente um recurso de piedade.
Ele passou muito tempo olhando para dentro da geladeira, indeciso entre a garrafa de vodka e um ovo. Do sofá eu podia vê-lo se contorcendo enquanto Hetfield cantava “I´m you! Sad but true!” Por fim colocou o ovo num caneco de água e acendeu o fogão. Quanto mais eu observo esse rapaz deplorável, imbecilizado, mais eu me convenço da fragilidade da mente humana e de como somos enganados o tempo inteiro por mentiras, o amor, a maior de todas. É terrível.
Teodoro sentado ao meu lado treme um pouco. Em algum lugar Natália procura outro idiota em quem despejar suas mentiras.

Anúncios

3 comentários em “::casa velha – 19:30hs::

  1. Day disse:

    Escritor é escritor…

  2. Nerito disse:

    É, vou ter que concordar. Cara, eu li poucas coisas do Teo, mas lembra um outro Teo que conheço. Mas por incrível que pareça, o Teo da casa velha é mais amigável… rs

  3. Nerito disse:

    No final não comentei devidamente o post. Cara, é que fica difícil comentar um post tão bom. Realmente muito bom. É como se o narrador dissecasse o personagem enquanto narra suas ações. Uma dissecação live motion.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s