Vocês sofrem de Asperger.
Talvez eu sofra de Asperger, não vocês.
Talvez todos nós estejamos doentes. Não Asperger. Depressão?
Somos incapazes de olhar para a realidade, incapazes de ser objetivos e, ao mesmo tempo, incapazes de lidar com o mundo imaginário, com as entrelinhas, com os significados que ficam apenas sugeridos em nossas frases, livros, assuntos.
Deprimidos e muito perigosos.
E muito provavelmente não é nada disso.
Muito provavelmente não há ninguém doente.
Somos só perigosos. E somos perigosos porque além de violentos, nos fingimos de doentes.
Vocês não têm Asperger, não é mesmo?